Jean Delumeau, um dos mais reconhecidos Historiadores franceses

Nascido no dia 18 de junho de 1923, na cidade de Nantes, Jean Delumeau dedicou sua vida ao estudo da História. Pesquisador de grande afinco, tornou-se um dos maiores especialistas sobre o passado do cristianismo. Temática que sempre lhe chamou muito a atenção.

O trabalho de Jean Delumeau vai fundo no estudo da Igreja Católica, suas práticas e representações. Simultaneamente, desenvolveu suas pesquisas abordando o período do Renascimento. Por conta disso, foi premiado pela Academia Francesa, no ano de 1967, pela qualidade de seu trabalho. Durante muitos anos, entre 1975 e 1994, o Historiador ocupou a cadeira de História das Mentalidades Religiosas, em uma das mais importantes instituições de Ensino Superior na França, o Collège de France. Atualmente, Jean Delumeau ainda é membro da instituição, mas como Professor Emérito.

Sua vasta produção lhe rendeu grande reconhecimento em todo o mundo. Além de sua ampla formação na área de História, recebeu também o título de Doutor Honoris Causa pela Universidade do Porto, no ano de 1984.

São muitos os livros publicados pelo Historiador francês, mas alguns deles merecem citação especial pelo grande impacto causado na historiografia. No Brasil, foram publicadas algumas de suas obras que estão os grandes clássicos da literatura de História. História do Medo no Ocidente (1978), A Confissão e o Perdão (1990), Mil Anos de Felicidade, O Que Sobrou do Paraíso (2000), De Religiões e de Homens (1997) e O Pecado e o Medo (1983) são todos livros que abordam a temática religiosa e sua influência na vida das pessoas ao longo da história.

Já com idade avançada, o Historiador Jean Delumeau continua ativo em suas pesquisas, sendo membro emérito do Collège de France, e marcou seu nome no século XX como um intelectual de reconhecido domínio da temática religiosa, especialmente do cristianismo.


Via - infoescola
Fontes: http://pphp.uol.com.br/tropico/html/textos/2420,1.shl

Comentários